Carrinho

MTV Unplugged: a volta por cima de Eric Clapton

Eric Clapton é um dos maiores guitarristas da história. Para muitos, é o melhor guitarrista de todos os tempos, ganhando até a alcunha de God (provavelmente você já deve ter visto alguma vez por aí alguma frase “Clapton is God”, não é mesmo?), devido a uma apresentação quando ainda era o frontman do Cream.

Durante anos, Clapton teve uma carreia prolífica, cheia de sucessos e muito êxito financeiro, seja na antiga banda, seja nas apresentações solo. Mesmo com alguns percalços – como a dificuldade de se firmar com um público mais popular -, o músico seguiu com uma carreira consistente.

Mas os problemas com drogas e álcool fizeram um bom estrago em sua vida, durante a década de 1970 e uma parte dos anos 1980. Clapton conseguiu se livrar dos vícios, mas a carreira já apresentava sinais de fraqueza. No começo dos anos 1990, ele recebeu mais dois duros golpes: o amigo e gênio da guitarra. Stevie Ray Vaughan, e mais dois membros da equipe de Clapton morreram em um acidente de helicóptero, logo após a realização de um lendário show ao lado de Buddy Guy. O outro golpe foi a morte do filho Conor, de quatro anos, que caiu da janela de um apartamento.

A morte do filho rendeu uma das maiores canções do Slowhand, “Tears in Heaven”, que ajudou a alavancar novamente a carreira do guitarrista. Já em 1992, veio o convite para participar da série de acústicos da MTV. O Eric Clapton – Unplugged acabou se tornando um dos maiores sucessos de Clapton, bem com um dos maiores da série da MTV. O disco atingiu a marca de 10 milhões de cópias vendidas, somente nos EUA, e garantiu seis Grammy, incluindo o de Álbum do Ano.

A qualidade técnica apresentada no disco é impressionante. Clapton, mesmo sem as suas guitarras Fender, tão características, soa incrivelmente bem no violão. As clássicas interpretações de “Tears in Heaven” e “Layla” são duas joias que dão um tempero maior a outras canções menos conhecidas do astro e outros clássicos, como “Rollin & Tumblin”, de Muddy Waters. Um deleite para os apreciadores dos solos classudos, cheios de técnica e feelings absurdos do mestre.

Uma curiosidade: o violão usado por Clapton na gravação do disco, um Martin 000-42, foi leiloado em 2004, por 800 mil dólares, o maior valor já pago em um violão.

Eric Clapton ‎– "Unplugged" Eric Clapton ‎– Slowhand Eric Clapton ‎– 461 Ocean Boulevard Eric Clapton ‎– "24 Nights" - Duplo Box Eric Clapton - Crossroads - Box com 6 Lp's

Loading...
Social Share Buttons and Icons powered by Ultimatelysocial
Facebook
Facebook
Pinterest
Instagram
Me avise quando chegar! Nós lhe informaremos quando o produto chegar ao estoque, basta cadastrar um endereço de email válido!.
Email Quantidade "Não compartilharemos seu endereço com mais ninguém.